Daimler e Foton criam empresa para fabricar caminhões médios e pesados na China

Daimler e Foton criam empresa para fabricar caminhões médios e pesados na China

Nova empresa, que conta com investimentos de US$ 1 bilhão, cria a marca Foton Daimler para os mercados da China, Rússia, Ásia do Sul e América Central. Brasil não está fora dos planos da montadora

Paraenses vencem e deixam apenas duas vagas para a final do MMCB
MAN Latin America firma parceria com a UERJ visando novas tecnologias
Sest Senat promove treinamento para novos motoristas

Caminhões serão equipados com motores Mercedes-Benz

A Foton e da Daimler se juntaram na China para criar uma nova fabricante de caminhões médios e pesados. Segundo as montadoras, a nova marca, Foton Daimler, foi criada para sacramentar a parceria das duas gigantes globais da indústria automobilística e a nova fábrica terá investimentos da ordem de R$ 1 bilhão.

Os caminhões Foton Daimler vão complementar a linha Auman, comercializada pela Foton na China, e contarão com os motores Daimler Mercedes-Benz de 490 cavalos que atende às especificações da norma Euro 5. A empresa espera vender 160 mil unidades dos novos modelos por ano.

As fabricantes, juntas, construirão em breve um centro de operações na China para promover a projeção mundial dos caminhões. De acordo com as empresas, a parceria permitirá o desenvolvimento de produtos de baixo custo. Gradualmente, os caminhões da nova marca serão comercializados nos mercados russo, sul-asiático e centro-americano. A montadora não descarta lançar os modelos no Brasil, mas isso depende do desempenho dos produtos no mercado.

Parcerias globais

A Foton, com este casamento com a Daimler, realiza sua segunda grande parceria global em menos de três anos. Em 2009, a chinesa inaugurou uma planta de motores para veículos leves em conjunto com a Cummins. Tal parceria teve o êxito necessário para que os veículos comerciais leves da marca chegassem ao Brasil, por meio da importadora Foton Aumark do Brasil, que trouxe os modelos Aumark 1031 (caminhonete), Aumark 1051 (leve) e Aumark 1089 (leve; para aplicação urbana e interurbana).

Até 2020, a Foton projeta se instalar em cinco países: Rússia, Índia, México, Indonésia e Brasil. Por aqui, o foco, a principio, é a produção de caminhões leves.

COMMENTS