Braspress espera fechar 2011 com faturamento acima de R$ 800 mi

Braspress espera fechar 2011 com faturamento acima de R$ 800 mi

Para 2012, empresa já tem um plano agressivo: espera crescer pelo menos 15%, atingindo faturamento de R$ 1 bilhão

“Se depender das transportadoras, não haverá desabastecimento”, dizem as empresas
Braspress inaugura nova filial em Minas
Air Minas Linhas Aéreas inicia quatro novos voos ligando cidades mineiras ao aeroporto de Cumbica (SP)

A Braspress, especializada no transporte de encomendas urgentes, estima faturar R$ 820 milhões até o fim de 2011. O valor, menor que o projetado no início do ano, sofreu reajuste devido à expectativa da economia e do crescimento do produto interno bruto (PIB) brasileiro.

No início do ano, a companhia havia feito uma projeção de faturamento na ordem de R$ 850 milhões, quando a expectativa do PIB era de 6%, mas os valores precisaram sofrer reajuste. “Quando passou o dia das mães, os economistas falaram de 4 a 3%. Hoje nós temos alguns falando em PIB negativo. Então fica muito difícil de estimar. Até a metade do ano, havia um indicador. Depois, com a queda de consumo, esse número despencou”, explica Luiz Carlos Lopes, diretor operacional da empresa.

“Esse ano nós tínhamos projetado um faturamento da ordem de R$ 850 milhões, mas devemos atingir 10 ou 8% menos que isso. Com otimismo, pois o ano ainda não acabou, nós devemos conseguir chegar aos R$ 820 milhões”, afirma o executivo.

2012

Apesar da redução da expectativa de faturamento em 2011, a Braspress já tem um plano audacioso para o próximo ano. Espera crescer pelo menos 15% em 2012. “Precisamos ser mais agressivos, buscar clientes que tenham sinergia com os nossos negócios. Se esse cenário ficar nessa perspectiva, nós conseguiremos faturar até R$ 1 bilhão”, explica Lopes.

Leia a entrevista na íntegra

COMMENTS