Bombardier apresenta maquete em tamanho real do Monotrilho Leste

Bombardier apresenta maquete em tamanho real do Monotrilho Leste

Linha que terá 24 quilômetros de extensão terá primeira fase entregue em 2013

Brado Logística espera crescer 60% com operações no corredor Mato Grosso-Santos
Governo apresenta estudos para concessão de ferrovia de mil quilômetros e quase R$ 10 bi
Brado Logística vai investir 80% do orçamento em aquisição de equipamentos em 2012

Uma maquete em tamanho real do monotrilho que ligará os bairros de Vila Prudente e Cidade Tiradentes, em São Paulo, foi apresentada na feira Negócios nos Trilhos 2011, na capital paulista. A linha, chamada Expresso Monotrilho Leste, é o prolongamento da Linha 2 – Verde do Metrô. No total, serão 24 quilômetros de vias, com 17 estações.

Orçado em R$ 2,4 bilhões, incluindo obra civil e trens, o projeto tem previsão de inauguração seu primeiro trecho (de Vila Prudente até o Oratório) para 2013. A próxima etapa, até São Mateus, deve entrar em funcionamento já em 2014. A última etapa, com 11 quilômetros de extensão, chegando à Cidade Tiradentes, está prevista para 2016.

Por hora, o novo sistema terá capacidade de transportar até 48 mil passageiros por sentido. Diariamente, mais de meio milhão de usuários serão atendidos em seus 54 trens, compostos por sete carros cada. Com estrutura elevada entre 12 e 15 metros de altura, o monotrilho passará ao longo das avenidas Luiz Inácio de Anhaia Melo, Sapopemba, Metalúrgicos e estrada do Iguatemi.

A canadense Bombardier é a responsável pela produção de 371 carros, o que corresponde a 53 do total de trens. Com uma fábrica instalada no município de Hortolândia (SP), a empresa deve manter o índice de nacionalização de equipamentos em mais de 60%.

COMMENTS