Transportadora Camilo dos Santos anuncia R$ 20 milhões em investimentos

Quantia será destinada a um projeto de expansão da empresa; cifra será aplicada ao longo dos próximos quatro anos

Dekra e Mercedes-Benz firmam parceria para vistorias na SelecTrucks
Eixo com transmissão elétrica é atração da Allison Transmission na Fenatran
Dilma sanciona pacote de bondades aos caminhoneiros

A empresa de transporte de cargas Camilo dos Santos, com sede em Juiz de Fora (MG), deu início a um processo de profissionalização com um projeto de expansão. O plano prevê investimentos de R$ 20 milhões nos próximos quatro anos e a criação de cerca de 800 postos de trabalho no mesmo período.

Também está prevista a criação de uma Holding de capital fechado, que deverá abrigar, em até dois anos, três subsidiárias: o Rodoviário Camilo dos Santos, a EBS Logística, empresa criada há cerca de 1 ano que opera na área de cargas de lotação e a MEF que deverá atuar no segmento de armazenamento de produtos.

Segundo Eduardo Santos, presidente da Holding, os valores investidos nos próximos anos podem até dobrar, com a criação de um quarto empreendimento que será incorporado à companhia.

O maior montante do total anunciado será destinado ao Rodoviário Camilo dos Santos, receberá pelo menos R$ 10 milhões até o ano de 2015. O novo modelo já está em operação na empresa e, além da reorganização dos negócios em segmentos distintos, o Rodoviário Camilo dos Santos iniciou um processo de contratação de profissionais capacitados que deverão conduzir seus planos de expansão.

Atualmente o Rodoviário Camilo dos Santos atende mais de 200 cidades no Sudeste e opera em suas plataformas uma média de 45.000 entregas e mais de 500.000 volumes por mês movimentados com uma frota de 250 veículos que vão de utilitários a carretas.

A previsão é ampliar esse número para 105.000 entregas e cerca de 1.000.000 de volumes por mês e elevar o faturamento da empresa à casa de 3 dígitos. Um crescimento forte que será baseado em serviço de alta performance e qualidade de informação.

“Queremos oferecer ao mercado uma empresa ágil, segura, mas ao mesmo tempo simples de lidar. Entendemos que nossos clientes não podem dispor seu tempo com o que não é útil para eles. Por isso estamos construindo processos que sejam capazes de integrar nossas operações e informações de forma muito simples. Estamos prevendo um investimento de grande vulto também na área de tecnologia da informação”, afirma o Diretor Geral da empresa, Michael Oliveira.

COMMENTS