CTF reduz a zero a emissão de gases de efeito estufa em seu estande na Fenatran

CTF reduz a zero a emissão de gases de efeito estufa em seu estande na Fenatran

Além de preservar o meio ambiente, iniciativa da empresa gerou aproximadamente 500 empregos diretos e indiretos em Santa Catarina

Estonian Air compra quatro jatos Embraer da família E-Jets
ANAC inaugura posto de atendimento no Aeroporto do Galeão (RJ)
Infraero verifica 56 itens antes de receber cargas perigosas em seus armazéns

A CTF Technologies do Brasil contabilizou as emissões de gases de efeito estufa resultantes de sua participação na 18ª edição do Salão Internacional do Transporte, em São Paulo, e investiu na compensação ambiental de seu estande de 120 metros quadrados. A empresa decidiu apoiar uma pequena central hidrelétrica em Santa Catarina, a PCH Faxinal dos Guedes, o que acabou gerando cerca de 500 empregos diretos e indiretos.

Foram calculados os gastos de energia, a fuga de gases refrigerantes, a produção de material publicitário, o combustível utilizado pelos diretores e funcionários no deslocamento até o Anhembi, na zona norte de São Paulo, a gestão de resíduos e o impacto ambiental resultante da preparação dos alimentos e bebidas que compõe o coquetel, entre outros fatores.

Foram adquiridos créditos de carbono relativos a 50 toneladas (50tCO2e) emitidos pela PCH, que fez gerar energia e dinamizou a economia da região com a criação de novos postos de trabalho. Outra opção de compensação seria o plantio de 250 árvores, mas o processo levaria cerca de 30 anos – o tempo de  crescimento das mudas e absorção do gás.

COMMENTS