Sinotruk aprimora pós-vendas com novo CD de Peças no Paraná

Sinotruk aprimora pós-vendas com novo CD de Peças no Paraná

Unidade com espaço para armazenamento de 5,9 mil m³ está localizada no município de Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba

Competição ‘Melhor Motorista de Caminhão do Brasil’ classifica bicampeão na 6ª final
BNDES suspende Finame PSI para caminhões. Procaminhoneiro está mantido
Galeria de fotos das finais do “Melhor Motorista de Caminhão do Brasil”, da Scania

A Sinotruk, montadora chinesa que vem buscando conquistar o mercado brasileiro de caminhões, aprimora seu pós-vendas com o novo Centro de Distribuição de Peças da Elecsonic, importadora dos veículos da marca.

Em funcionamento desde o início do segundo semestre deste ano, a unidade está instalada em Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba (PR). O CD conta com área construída de 2,4 mil m² e espaço para armazenamento de 5,9 mil m³, sendo capaz de abrigar 2,7 mil itens da linha Howo.

Atualmente, 98% das peças de reposição da linha Howo vêm da matriz chinesa. O restante é oriundo de parceiros nacionais, fabricantes de autopeças, que estão desenvolvendo itens para a Sinotruk.

Segundo a montadora, a instalação, até janeiro de 2012, passará a estocar 4,2 mil peças com a chegada da A7, linha que será apresentada ao público na Fenatran entre os dias 24 e 28 de outubro, em São Paulo.

De acordo com Gilberto Baron, diretor de operações da Sinotruk, o estoque do Centro tem sido ampliado de acordo com a demanda mensal.

“A rede tem um estoque básico e estratégico baseado na frota de cada região do Brasil”, explica o executivo.

Desde abril de 2010, quando foram iniciadas as importações dos caminhões Sinotruk para o País, foram vendidos 850 unidades no mercado nacional. A montadora prevê encerrar as atividades de 2011 com 1,1 mil veículos vendidos.

COMMENTS