Dersa iniciará em março segunda fase das obras do Complexo Jacu-Pêssego, em SP

Obras, que serão realizadas entre a zona leste de São Paulo e Mauá, devem perdurar por seis meses

Produção de caminhões recua, mas ainda sobe 12,8% até setembro
Governo estuda diminuir frota de caminhões autorizados a realizar frete
Grupo Delta atesta sucesso do Delta Fleet na Fenatran

Com um investimento da ordem de R$ 82 milhões, a Dersa iniciará no dia 15 de março a segunda fase das obras do Complexo Jacu-Pêssego, na divisa entre a zona leste de São Paulo e Mauá.

As obras devem durar seis meses e contemplam a construção de 4,5 km de via marginal à Avenida Jacu-Pêssego nos bairros Jardim Vitória, Jardim Conquista e Jardim Paulistano; a conclusão do trevo de acesso à Avenida João Ramalho, em Mauá; e a construção de retorno na Avenida Papa João XXIII, antes do Rodoanel, também em Mauá.

As obras da marginal da Jacu-Pêssego ficarão sob a responsabilidade das construtoras CR Almeida e Contern. Já as intervenções no trevo de Mauá serão tocadas por Andrade Gutierrez e Serveng.

COMMENTS