Número de acidentes com caminhões diminui em Minas Gerais

Queda das ocorrências no Estado foi de 22%, 20 pontos percentuais a mais do que a queda nacional. A melhora é resultado do Pacto Rodoviário Mineiro, projeto que tem como objetivo tirar Minas Gerais do topo da lista de acidentes em rodovias

Número de mortes cai 13,4% em rodovias gerenciadas pela OHL Brasil
Artesp lista dez pontos de rodovias paulistas sujeitos a neblina intensa
Rodovias federais somam mais de mil acidentes na Semana Santa

O Estado de Minas Gerais registrou queda no número de acidentes envolvendo caminhões no segundo trimestre de 2010. A redução é resultado do Pacto Rodoviário Mineiro, projeto criado para tirar Minas Gerais do primeiro lugar entre os estados que mais registram acidentes rodoviários com caminhões.

De acordo com dados do ICF (Instituto Cuidando do Futuro) e da Fetcemg (Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado de Minas Gerais), o índice de vítimas registradas no Estado caiu 22% no segundo trimestre deste ano, enquanto no restante do País, a queda foi de 2%.

O diagnóstico foi feito com base no Índice de Risco de Transportes publicado pela empresa de soluções de gestão de riscos e seguros Pamcary. A pesquisa ainda mostra que os Estados de São Paulo e Minas Gerais empatam na participação de ocorrências em relação ao total registrado no País – cada um registrando 22% dos acidentes -, mas que o Estado mineiro apresenta maior número de vítimas.

Para o presidente da Fetcemg, Vander Costa, a melhora pode ter relação com uma maior sensibilização por parte dos usuários das rodovias. “Além da redução dos eventos causadores, quando eles acontecem, suas consequências vêm sendo menos danosas a cada trimestre”, justifica Costa.

COMMENTS