Usuários avaliam Projeto Cebolão como positivo, diz levantamento

Pesquisa realizada em julho afirma que mais de 80% dos motoristas afirmam que o fluxo de veículos na chegada à Capital paulista é ótimo ou bom

Duplicação da rodovia Bauru-Marília fica pronta depois de 20 anos
Governo do Paraná inicia projeto visando aprimorar escoamento de madeira
Grevistas descartam negociar com a ANTT

Após seis meses da inauguração das obras do Projeto Cebolão, em São Paulo, a empresa Somar realizou uma pesquisa de opinião para ouvir o que os usuários da rodovia Castello Branco têm a dizer sobre as mudanças no complexo viário. Em geral, o Projeto foi avaliado como positivo.

Realizada em junho de 2010, a análise abordou 530 pessoas que trafegam na rodovia pelo menos uma vez por mês.  Mais de 80% afirmam que o fluxo de veículos na chegada à Capital é ótimo ou bom. Outro destaque é que 73% dos condutores de veículo de passeio e 78% dos motoristas de caminhão não destacaram nenhum ponto negativo no projeto.

A redução do pedágio do km 33 pela metade do preço foi aprovada por 70% dos usuários. Em relação ao trevo de Jandira, 90% dos entrevistados avaliaram as obras positivamente.

Obras e planos

Desenvolvido para amenizar o fluxo da Castello Branco, principalmente no trecho inicial, o empreendimento contempla a construção de mais uma ponte na chegada a São Paulo, com ajuste das faixas de acesso às marginais Tietê e Pinheiros, além da reformulação total do trevo de Jandira e Itapevi e a reconfiguração das praças de pedágio dos km 18, 20 e 33, com redução das tarifas de pedágio de até 57%.

Por: Victor José – Redação Portal Transporta Brasil

COMMENTS