MVC tem nova tecnologia de fabricação de moldes para a indústria automobilística

O processo de produção proporciona maior vida útil e qualidade das peças para caminhões e ônibus

Dois terços dos acidentes no transporte rodoviário de cargas estão relacionados a falhas humanas
MAN e VW lançam área de negócios usados no Chile
Ford Caminhões encerra semestre com 43,5% de crescimento em vendas

A empresa MVC, fabricante de componentes plásticos para a indústria automobilística, desenvolveu uma nova tecnologia que proporciona maior qualidade e vida útil dos moldes de veículos. O processo chama-se Resin Transfer Molding – Surface (RTM-S) e consiste na fabricação das peças em compósitos, ou composição de dois ou mais materiais.

O processo RTM-S na produção dos moldes reúne propriedades dos termoplásticos, como acabamento superficial de alta qualidade; e dos termofixos, como maior resistência mecânica, durabilidade e menos custo de fabricação. Esta elaboração permite maior resistência mecânica e melhor acabamento superficial por parte das peças.

Outras vantagens da nova tecnologia são a redução dos custos e do impacto ambiental e a facilidade para reciclar estes componentes. Para as montadoras, o RTM-S proporciona a redução de peso dos veículos e maior velocidade para mudanças de design e atualização de produtos.

Inicialmente, o processo destina-se para a fabricação de peças externas com elevada exigência de acabamento superficial e resistência estrutural, como carenagens externas de ônibus e caminhões, e componentes internos texturizados e/ou estruturais.

Por Marília Brandão – Redação Portal Transporta Brasil

COMMENTS