Acontece

Governo cria incentivos para a compra de caminhões para agricultores familiares por meio do Pronaf

Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar abre linha de financiamento para fomentar a compra de veículos de cargas com capacidade de 1,5 a 8 toneladas. No programa, os caminhões terão descontos de 5% a 15% em relação aos preços de mercado

22/1/2010

19h10

Redação

Entre em contato

O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar, do governo federal, iniciou na semana passada a concessão de uma linha de financiamento para incentivar a compra de caminhões para agricultores familiares. Segundo informações do Pronaf, o programa oferece a compra de 15 modelos de caminhões com capacidade de carga entre 1,5 e 8 toneladas, com descontos entre 5% e 15% em relação aos preços de mercado.

O plano de fomento à aquisição de veículos prevê apenas a compra do chassi, mas os implementos (carrocerias, baús, etc.) também podem ser financiados por meio do programa Mais Alimentos.

Os valores correspondem apenas ao chassi do caminhão. A carroceria (aberta, graneleira, baú, de grade) escolhida pelo agricultor familiar também será financiada pelo Mais Alimentos. Os veículos que participam do programa são das marcas Volkswagen (MAN Latin America), Iveco e Agrale.

Confira as especificações técnicas e os modelos disponíveis:

O financiamento de veículos de carga, que inclui caminhões frigoríficos, isotérmicos e graneleiros, por meio do Mais Alimentos foi aprovado pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) em 26 de novembro de 2009. As condições são as mesmas dos demais produtos atendidos pelo Programa. O primeiro passo para o agricultor familiar acessar o financiamento é procurar uma empresa de assistência técnica e extensão rural, que vai verificar e avalizar a viabilidade do projeto que será desenvolvido.

Por: Leonardo Helou Doca de Andrade – Redação Portal Transporta Brasil

  • tv transporta brasil

    TVTRANSPORTABRASIL
  • Publicidade

  • Articulistas

    A incoerência na modificação da Lei 12.619

    Por que mudar? O Dr. Dirceu Rodrigues Alves, especialista em Medicina de Tráfego questiona as mudanças propostas à Lei do Motorista: “Com essa lei oficializam-se jornadas longas, mortes e feridos nas rodovias”

    ISO 28000 e a Gestão de Segurança Patrimonial

    Teanes Carlos Santos Silva publica neste artigo os detalhes da norma ISO 28000 e seu papel para a gestão da segurança patrimonial, atividade crucial para as empresas de todas as atividades

  • Publicidade

  • Publicidade

  • Bolsa de Valores – ADVFN

  • Redes Sociais

    Facebook