Acontece

Associação Brasileira de Movimentação e Logística anuncia vencedores do 9º Prêmio ABML de Logística

Terminais automatizados da Braspress em São Paulo e no Rio de Janeiro, parceria entre o Rapidão Cometa e a operadora de telefonia Oi e projeto de coleta de pilhas da ADS Micrologística são alguns dos cases vencedores

12/1/2010

20h00

Redação

Entre em contato

A Associação Brasileira de Movimentação e Logística (ABML) anunciou os vencedores das seis categorias da nona edição do Prêmio ABML de Logística. Confira os vencedores:

Sistemas de Movimentação, Armazenagem e Embalagem

  • CSI Cargo Logística Integral

O trabalho apresentado pela CSI Cargo baseia-se no conceito de Lean Manufacturing, com a finalidade de solucionar um problema de espaço nas imediações da linha de montagem de uma importante indústria automobilística instalada no Brasil. Esta restrição física é determinante para a  montadora ampliar o volume de peças abastecidas às linhas, a variedade de modelos produzidos, bem como a cadência da linha, que é de 11,75 minutos por veículo em cada  posto de montagem para um pico máximo de 6,18 min. A solução é permeada pela implementação de processo de sequenciamento de peças desde o armazém até a montagem, seguido de desenvolvimento de dispositivos rolantes específicos ou carrinhos por ponto de abastecimento. A seqüência e peças necessárias por posto é informada por carta de sequenciamento. O processo possui ainda quatro áreas, que trabalham de forma paralela com layouts otimizados e que são compostas de flow racks (móveis gravitacionais) para as peças com embalagens. Os carrinhos são puxados por rebocadores até o ponto de abastecimento; os carrinhos vazios são recolhidos até o armazém para iniciar novo ciclo.  A solução permitiu ganho de 920m² na linha de montagem, que é a área mais nobre de uma planta automobilística e sistema de abastecimento 100% Pull (puxar). Além disto, no espaço onde eram produzidos 4 modelos, agora são produzidos 8 variedades.

Projetos Colaborativos

  • Netuno Alimentos

O Grupo Netuno atua no setor de pescados e em todos os segmentos do mercado de frutos do mar. Atualmente é a maior exportador de pescado do país com uma movimentação mensal de 4 mil toneladas. A operação “O Sertão Vai Virar Um Mar de Peixe” é um caso de sucesso que inclui a cadeia produtiva da tilápia, desenvolvida no entorno da cidade de Paulo Afonso na Bahia e que integra colaborativamente as diversas empresas do Grupo Netuno e seus fornecedores de modo a garantir produção contínua e competitiva no mercado global. A operação é composta por laboratórios de alevinagem, produção de tilápia em cativeiros que inclui 6 fazendas próprias, além de pequenos e médios produtores da região de Paulo Afonso, planta com alta tecnologia de processamento de descamassão, classificação e evisceração da tilápia, armazenagem, comercialização e distribuição. Além disto, atenta as práticas eco-eficientes, a cadeia produtiva contempla uma fábrica de farinha e outra de biodiesel. Dentro desta visão sistêmica, o Grupo Netuno controla ponto a ponto mais de 15 empresas e 40 fornecedores espalhados por 7 estados brasileiros, dominando desde a genética do alevino até os canais de distribuição.

Terceirização em Logística

  • Rapidão Cometa e Oi

Rapidão Cometa e Ezconet (empresa de tecnologia e software) estabeleceram uma parceria para a prestação de serviço à OI, no que tange a logística de aparelhos celulares paras suas respectivas assistências técnicas e fabricantes, especificamente para clientes do canal Corporativo. Dentro do objetivo de não deixar tais clientes sem aparelhos, a operação consiste em receber, via sistema, as demandas da Oi, efetuar a troca do aparelho defeituoso por um novo, levá-lo à assistência técnica, retornar o aparelho consertado ao cliente, gerenciar o tempo total de ciclo do pedido e todo o estoque dos aparelhos. O serviço é prestado nas regiões metropolitanas de Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e São Paulo. Dentre os vários benefícios desta operação de sucesso destacam-se: Transferência de custo fixo por custo variável; Redução de custo, melhoria de 30% na performance da operação, otimização dos recursos existentes; Foco na atividade fim pela OI; entre outros.

Logística Aplicada à Sustentabilidade Ambiental

  • ADS Micrologística

A ADS Micrologística foi convidada a elaborar um estudo de viabilidade técnica e econômica junto ao Banco Real, hoje integrante do Grupo Santander, para a implantação de uma operação capaz de coletar pequenas quantidades de pilhas e baterias em pontos espalhados por todo o território nacional. Trata-se do programa Papa-Pilhas, que contemplou inicialmente o atendimento a 31 pontos nas cidades de João Pessoa, Campinas e Porto Alegre, a título de experiência. A partir daí, a expansão do programa proporcionou o atendimento a mais de 2.000 pontos do Grupo Santander Brasil. O programa inclui o desenvolvimento de um sistema de informações capaz de fornecer a posição de arrecadação de cada ponto instalado; o desenvolvimento de equipamento de arrecadação (displays), implantação de malha de atendimento em todo território nacional. O volume coletado em Kg acumulados mensalmente, é o principal indicador da operação. De 1.225 Kg em janeiro de 2007, as operações conduzidas pela ADS totalizaram a coleta e encaminhamento para reprocessamento de mais de 298mil Kg até setembro de 2009. Além disto projeto Participe & Recicle gerou enormes benefícios ambiental, tecnológico empresarial e logístico. Hoje além do Grupo Santander, a ADS atende outros 27 clientes em todo o Brasil.

Automação e Tecnologia da Informação Aplicada à Logística

  • Intermec South America e Braspress

Cada volume que chega a Braspress é inserido no sistema e recebe uma etiqueta com código de barras, que passa ser sua identificação em todo o processo. Até o momento a Braspress investiu US$ 1,75 M para aumentar a eficácia no controle operacional das encomendas em trânsito, nas origens e nos destinos. A implantação da solução proporcionou ainda, maior acuracidade das informações, diminuição do tempo de processamento das operações e redução de até 96% em extravios de encomendas.

Estudante de Logística

Orientadores: Luiz Antônio Silveira Lopes, D. Sc. – Professor da Pós-graduação em Engenharia de Transportes do IME; e Ulf Bergmann – D. Sc. – Professor da Pós-graduação em Engenharia de Computação do IME

O trabalho apresentado teve como objetivo contribuir para o gerenciamento da logística de distribuição de produtos buscando uma maior eficiência e produtividade na roteirização de veículos com múltiplos depósitos, apoiada por um sistema de Informação Geográfica (SIG) livre.

Foi desenvolvida uma ferramenta computacional utilizando linguagem de programação JAVA dentro do paradigma de orientação por objetos.

Para ilustrar o procedimento e protótipo desenvolvido, realizou-se um estudo de caso com uma empresa do setor alimentício, o que permitiu demonstrar a aplicabilidade do procedimento e a sua potencialidade em fornecer subsídios à tomada de decisão por parte de seus operadores.

Além disto, o protótipo foi validado através da comparação dos resultados obtidos com um software comercial – TransCAD, que por sua vez demonstrou que este protótipo permite a obtenção de soluções com menores custos.

  • tv transporta brasil

    TVTRANSPORTABRASIL
  • Publicidade

  • Articulistas

    Simulador de direção veicular: uma necessidade

    Leia a análise do Dr. Dirceu Rodrigues Alves Jr., articulista do Portal Transporta Brasil especialista em Medicina de Tráfego, sobre a importância do treinamento em simuladores para a capacitação de motoristas, profissionais ou não

    Competências e habilidades de um gestor de TI

    O especialista Anírio Neto destaca algumas das principais características que um bom gestor de Tecnologia da Informação deve ter no dia a dia para cumprir com suas funções

  • Publicidade

  • Publicidade

  • Bolsa de Valores – ADVFN

  • Redes Sociais

    Facebook