AGV recebe aporte de R$ 150 milhões

Em seu planejamento estratégico, a empresa pretende atingir um faturamento de R$ 420 milhões em 2011

Viações aplicam promoções ao modo das aéreas
Comissão aprova sinal sonoro como alerta para uso do cinto
Scania tem excedente de 500 trabalhadores e pode demitir

20 de agosto de 2008 – A AGV Logística, uma das maiores empresas do segmento de logística animal, recebeu aporte de cerca de R$ 150 milhões do Equity International, um fundo de private equity pertencente ao Equity Group Investment. Segundo nota da companhia, a AGV – sigla de Armazéns Gerais Vinhedo – utilizará os recursos para ampliar sua participação no mercado brasileiro, crescendo com a aquisição de outras empresas do setor. A meta é, em três anos, ser a maior e melhor companhia de logística integrada do País, informou a empresa.

O plano de aquisições já começou ontem mesmo com a compra da Delta Logistics, empresa que atua no segmento bancário e de tecnologia nos mercados de Curitiba, Rio de Janeiro, Campinas, Sorocaba e Grande São Paulo.

Neste ano, a empresa deverá faturar R$ 170 milhões e, dessa receita, o maior filão, 50%, vem da logística de produtos de saúde animal. A AGV chega a distribuir 380 milhões de vacinas antiaftosa no País, suficientes para cobrir a necessidade anual de 95% do rebanho bovino no País. Em seu planejamento estratégico, a empresa pretende atingir um faturamento de R$ 420 milhões em 2011.
A AGV administra 18 centros logísticos, num total de 110 mil metros quadrados, e sua sede é em Vinhedo, no interior paulista, localização considerada paraíso logístico por estar no caminho entre as regiões mais potentes economicamente do País. Tem atualmente cerca de 800 funcionários, número que deverá subir para 2 mil empregados até 2011.

Crescimento anual de 50%

Nos últimos dez anos, a empresa vem apresentando uma taxa anual de crescimento de aproximadamente 50%. A companhia nasceu em 1998, a partir de um capital de R$ 20 mil. E, no primeiro ano de atuação, já atingiu R$ 4,5 milhões de faturamento.

A empresa atende mais de 50 clientes nos segmentos de saúde animal, saúde humana, alimentos, químico, nutrição animal, cosméticos e promocional.

Entre seus principais clientes, estão a Unilever, Kibon, Nutrimental, Perfetti Van Melle, Bayer, Pfizer, Novartis, Medtronic, Dow Química, Nivea, Eurofarma, Biolab e Diageo. (Ana Paula Machado e Amarillis Bertachini – Gazeta Mercantil)

Link para a matéria

COMMENTS